Homenagem Póstuma

Por Dejovu em

A sogra do cara morreu e, como não podia deixar de acontecer, o cara tomou o maior porre. Realmente, chapou o coco! Tava tão bêbado, que na hora da cremação da sogra ele já nem se segurava mais de pé.

Toda a família chorava em volta da urna onde a velha estava depositada, menos o genro. Aí ele, mais do que pra lá de Bagdá, resolveu fazer uma homenagem pra sua “quase mãe”.

Cambaleando, ele subiu em cima de uma cadeira e com ajuda dos parentes, encheu o peito e mandou ver:
— E (hic), agora pessoal, uma salva (hic), de palmas pro “Assador”.

Autor: Autor Desconhecido

Categorias: Sogra

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.