O Turco tinha uma loja perto da linha ro…

Por Dejovu em

O Turco tinha uma loja perto da linha rodoviária, cheia de roupas, brinquedos e mais não sei o quê; as lojas do lado não tinham movimento nenhum, não tinham nada.
Entretanto passou um fiscal e perguntou ao turco onde estavam as notas fiscais.
O turco disse “Notas, mas que notas? Eu consegui tudo isto que o senhor está vendo apostando, abostando?, bois eh…”
“Mas como assim?” disse o fiscal:
“Você duvida que eu consegue morde meu olho direita?”
“Duvido”
“Abosta 50 euros?”
“Aposto”
Ele pegou no olho que era de vidro e mordeu-o, e o fiscal pagou 50 ao turco.
“Está bendo? Eu consegue tudo na abosta, quer abostar que consigo morder a meu olho esquerda tambem?”
“Se não tirar o olho eu aposto”
Ele pegou na dentadura e mordeu o olho esquerdo. O fiscal já tava fulo da vida de perder 100, quando o turco disse:
“Eu faço uma última abosta com você…”
“O quê?” disse o fiscal
“Eu abosta que você tem hemorróidas, e eu abosta 1.000 euros…”
O fiscal aceitou pois não tinha, pegou em todo o dinheiro que tinha no bolso e pôs na mesa do turco, este contou o dinheiro e disse:
“Mas só tem 700”
“Eu trago o resto amanhã se for o caso.”
Diz o turco:
“Então volte amanhã…” e o fiscal foi embora.
No dia seguinte o fiscal chegou e tinha uma multidão à frente da loja do Turco, o fiscal foi lá e disse:
“T´aqui o dinheiro”, o turco respondeu,
“Então venha aqui atrás do balcão que quero conferir”, o fiscal foi lá, abaixou as calças e mostrou o cú, o turco olhou, olhou e disse:
“Venha mais perto aqui na porta que aqui está escuro demais”, o fiscal foi, ia ganhar 1000 mesmo, pôs o traseiro para fora da loja e mostrou outra vez o cú, o turco olhou, enfiou um dedo e disse,”É verdade, não tem hemorróidas mesmo”, e pagou $1.000,00, ao fiscal, o fiscal todo contente, quando ia sair, perguntou ao turco,
“Agora apanhei-te, não é?”, o Turco olhou bem pró fiscal e disse:
” Está bendo todas esta bessoas aqui na frente da loja?”
“Estou”
“Então eu abostei $1.000,00 com cada uma que ia enfiar o dedo no cú de um fiscal hoje”

Autor: Autor Desconhecido

Categorias: Regiões e Raças

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.