Ajudando o bêbado

Por Dejovu em

Às três horas da manhã, a mulher acorda o marido:

— Benhê, estão batendo à porta. Vai ver o que é…

O sujeito vai atender e ao abrir a porta, dá de cara com um bêbado:

— Será que dá para você dar uma empurradinha? — diz o bêbado com voz pastosa.

O sujeito reclama, revoltado:

— Você acha que eu vou sair uma hora dessas para ajudá-lo a empurrar o carro? Nem morto!

E bate a porta na cara do bêbado. Voltando para a cama, a mulher pergunta quem era:

— Só um bêbado querendo que eu o ajude a empurrar o carro.

— E por que você não ajudou? — indaga a esposa.

— Ah… ele está bêbado… — balbucia o sujeito.

Pouco depois, a consciência começa a pesar e ele muda de idéia. Ao abrir a porta, ele não consegue ver nada além da escuridão e grita:

— Ei, você ainda quer a minha ajuda?

— Quero sim! — responde o bêbado.

— Mas onde é que você está?

— Estou aqui… no balanço!

Autor: Autor Desconhecido

Categorias: Bêbados

0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.