Tragédia conjugal

Por Dejovu em

Na manhã de 11 de setembro de 2001, numa elegante sala do 17º andar da Torre Norte do World Trade Center.

Por volta das nove da manhã, o gerente de negócios de um desprestigiado escritório de contabilidade, resolve convidar a gostosíssima secretária para fazer uma conciliação de contas, num hotel de segunda categoria, na ilha de Mãe Ratan.

Precisamente, às 11 horas e 4 minutos, enquanto a garota ainda se esforçava para tirar o líquido do bruto, toca o celular do sujeito.

-x-x-x-x-x-x-

Era a sua esposa, em prantos:

— Ai… meu amor… graças a Deus… você está bem? onde você está?

— Oi querida, estou ótimo! Deculpe mas não posso falar com você agora. Estou no meio de uma reunião com o pessoal da Auditoria e a coisa aqui tá pegando fogo!

Autor: Autor Desconhecido

Categorias: Azarados

0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.