Seguir

Por Dejovu em

Arrumei minhas malas decidi que queria sair
Ter uma vida nova, ter o que contar
Não posso mais ficar aqui parada
Num lugar….

Aonde o vento não bate
Aonde eu não vejo ninguém
Não quero viver sem
Ter a sensação de minha liberdade
Quero um lugar aonde eu possa correr
Alguém que possa me ouvir
Estar aqui quando eu precisar

Não cale minhas palavras,
Minhas opiniões não são tão ruins assim
você nunca deixou eu terminar de falar
Não sou um objeto
Sim eu tenho muitos sentimentos
Mas para você sou apenas um marmore frio e pesado
Para enfeitar sua casa

O que me diz se eu for embora
Você vai deixar
Vai dizer que é normal
Mas eu sei que você não gosta da idéia
Não…não quer me enganar
Tenho certeza que não

Me descupe. , por favor,
Mas eu não posso continuar aqui
Eu tenho que seguir!

Autor: Nirvaska

Categorias: Reflexão

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.