Resultados da pesquisa por: Assis Almeida

A tesoura e a agulha

Autor: Assis Almeida

Desde pequena, a moça se acostumara a conviver com tecidos, tesouras, agulhas e linhas de diversos padrões e cores. Sua mãe, exímia costureira, sustentava toda a família com muito trabalho e honestidade. A moça casara com um frio empresário que gastava as energias com os negócios e dava muita importância […]

Por Dejovu, Há

Os três crivos

Autor: Assis Almeida

Certa feita, um homem esbaforido aproximou-se do grande filósofo e sussurrou-lhe aos ouvidos: – Escuta, Sócrates… na condição de teu amigo, tenho alguma coisa muito grave para dizer-te, em particular… – Espera!… – Ajuntou o sábio prudente. Já passaste o que vais me dizer pelos três crivos? – Três crivos? […]

Por Dejovu, Há

O Imperador Chinês

Autor: Assis Almeida

Conta-se que certo imperador chinês, quando foi avisado a respeito de uma insurreição que estava se desenvolvendo em um das províncias do seu império, disse aos ministros do seu governo e aos chefe militares que o cercavam: – Vamos. Sigam-me. Destruirei os meus inimigos imediatamente. Quando o imperador e suas […]

Por Dejovu, Há

Reter com as mãos abertas

Autor: Assis Almeida

Era uma vez um menino que encontrou, num bosque próximo à sua casa, um pardal cuja asa estava quebrada. Recolheu-o, fez-lhe uma gaiola de varetas e tratou dele com paciência, até que se recuperou. Em pouco tempo, tomou-se de amores pela avezinha, passando a pensar que ela era “sua”. Passado […]

Por Dejovu, Há

Um conto de natal

Autor: Assis Almeida

Eu estava em São Francisco, a poucos dias do Natal. As lojas já começavam a ficar lotadas e multidões esperavam impacientemente pelos ônibus e bondes no fim da tarde. Quase todo mundo carregava pilhas de pacotes e o cansaço era tanto, que eu comecei a me perguntar se os inúmeros […]

Por Dejovu, Há

A Aposta

Autor: Assis Almeida e Alexandre Bortoletto

Fiz uma aposta com meus companheiros. Apostei que apesar do gelo e da neve eu sobreviveria por toda uma noite em uma montanha próxima. Levei comigo um livro e uma vela e passei a noite sentado, exposto ao um frio que jamais havia experimentado. Pela manhã, mais morto do que […]

Por Dejovu, Há

A comida do manto

Autor: Assis Almeida e Alexandre Bortoletto

Certa vez, fui a um banquete servido em uma aldeia próxima. Todos estavam convidados. Quando o mestre de cerimônias me viu com um manto esfarrapado colocou-me no pior lugar, longe da grande mesa onde os mais importantes convivas estavam sendo servidos com todas as regalias. Durante meia hora esperei calmamente. […]

Por Dejovu, Há

O dinheiro e a justiça

Autor: Assis Almeida e Alexandre Bortoletto

Certo dia, o Imperador me abordou com o seguinte dilema: – Nasrudin, se eu colocasse em um prato moedas de ouro e em outro justiça, qual você escolheria? – Certamente escolheria o prato de moedas de ouro – respondi sem pestanejar. O Imperador se surpreendeu com a minha resposta tão […]

Por Dejovu, Há