47290 Dejo...Vus


   Orkut

   RSS Geral

  Estamos no Hi5

 




Não sabes nada de mim

 

Não sabes de nada, do que vai à minha alma:
Assim, aceita o que te dou, é o meu melhor!
Desconhece a minha alegria, o que me faz sorrir, o que faz chorar!
Minhas fantasias, os meus mais simples sonhos!
Os meus pequenos e tão grandes mundos, infinitos mundos...
Estes que tu não vês, mas que estão dentro de mim...
Onde danço neles num vai e vem como a brisa
Ou como uma bailarina num lindo rodopiar
Ao som das ondas sussurrando ao mar
Não sabes nada de mim, dos meus mundos!
Do meu céu de estrelas caídas, da minha noite enfeitada!
Da minha estrela acaso brilhando faceira que sem juízo
Enamorada por algum um cometa que se chama beija
Tão pouco consegues ver a minha lua linda
Que quando envergonhada, fica mais prateada!
Se eu pudesse te mostrar meus mundos
Tão lindos mundos do meu coração
Tu entenderias talvez onde em mim habita
A minha realidade ou a minha fantasia
2009/06/29 enviada por sandra azevedo mello

Autoria de Sandra Mello-Flor
Mensagens de Reflexão

Enviar Este Texto

Enviar a alguém

De:  
Nome E-mail
 
Para:  
Nome E-mail
 
Nome E-mail
 
Nome E-mail
 
Nome E-mail
Pretendo registar e-mails de conhecidos na newsletter
Será enviado um link da página deste artigo para o e-mail que indicar como destino.

 

 

Votar

Avalie este artigo

 

 



Nome
E-mail

Este voto só ficará contabilizado depois de fazer clique no link que lhe será enviado já a seguir para o e-mail indicado. Como tal garanta que o seu e-mail está válido e operacional, se não receber o nosso e-mail verifique os seus filtros de SPAM, ou a caixa de Lixo/Trash do seu cliente de e-mail.

 

Comentar Texto

Faça um comentário

Comentário

Nome
E-mail

Este comentário só ficará válido depois de fazer clique no link que lhe será enviado já a seguir para o e-mail indicado. Como tal garanta que o seu e-mail está válido e operacional, se não receber o nosso e-mail verifique os seus filtros de SPAM, ou a caixa de Lixo/Trash do seu cliente de e-mail.

 

Mais do Mesmo